slidertopoNOTÍCIAS

Notícias

Voltar

15/03/18

Sessions com Pianíssimo

PIANISSIMO JAZZ 05032018-IMG_2001

Mauro Continentino e Catarina Moura.

 

Tocando juntos e com exclusividade há seis anos, a dupla apresenta um repertório de

clássicos do jazz, especialmente composições dos anos 1920 aos 40, e enfatiza a

importância da fusão entre o piano e o baixo, traçando um diferencial nas formações de

bandas que estamos acostumados a encontrar.

A orquestração do duo relembra o som que aconteceu no lendário “Pianissimo Studio

Bar”, casa de jazz que funcionou em Belo Horizonte na década de 80, sob o comando de

Mauro Continentino. Tinha-se como prioridade: som de piano de cauda e baixo acústico

desligados, quando muito acompanhados de vassourinhas delicadas. A arquitetura foi

especialmente pensada para a acústica perfeita.

Lá se ouvia o som puro e robusto dos instrumentos que, juntos, criavam a atmosfera do legítimo jazz. Não faltava criatividade nem fertilidade na hora de improvisar os temas

mais consagrados da história da música, sempre com classe e suavidade.

“Este é o clima da dupla Catarina e Mauro que em meio às apresentações trocam de

instrumentos, brincam com as melodias, dançam nas harmonias e mantém o nível de

qualidade aos ouvidos, do início ao fim.” (Walter Navarro, jornal O Tempo, BH.)

O repertório é fiel ao jazz e anti-eclético. Ou seja, quem estiver a fim de ouvir bossa nova

ou outro ritmo da música brasileira, definitivamente não os encontrará nas apresentações

do Pianissimo Jazz, que fez uma opção segura pelos standards e temas clássicos de

compositores como George Gershwin, Billy Strayhorn, Duke Ellington, Jerome Kern, Cole

Porter, Dizzy Gillespie, Thelonious Monk e Richard Rodgers, entre outros.

A dupla reconhece que se trata de algo incomum, mas garante que não estão sozinhos

nessa escolha e cita o cantor Tony Bennett, que passou a vida fiel ao gênero, numa

matéria do jornalista Eduardo Fradkin, para legitimar ainda mais a nobre causa: “… Eu

aprendi que uma coisa realmente boa sempre será boa, nunca ficará antiquada. As músicas que eu canto não são velhas, são ótimas. Houve uma

Renascença no meu país, os EUA, nos anos 1920, 30 e 40 que nunca será superada ou substituída: é a produção musical de George Gershwin, Cole

Porter, Irving Berlin, Johnny Mercer. Essas são as maiores canções populares já compostas”. (Jornal O Globo, 28/10/2009).

Como exemplos bem sucedidos na formação de piano e baixo, o duo também cita álbuns

impecáveis para ilustrar essa qualidade sonora, tais como: “This One is For Blanton” –

Duke Ellington (p) e Ray Brown (b); “Intuition” – Bill Evans (p) e Eddie Gomez (b);

“Night and The City” – Kenny Barron (p) e Charlie Haden (b); “Heart & Soul” – Cedar

Walton (p) e Ron Carter (b); “Partners” – Paul Bley (p) e Gary Peacock (b), “The Duo

Sessions” – Jimmy Rowles (p) e Ray Brown (b); “The Duke Ellington Song Book” – Monty

Alexander (p) e John Clayton (b) e “We Got Rhythm” – Andre Previn (p) e David Fink (b).

Para os interessados, vale a pesquisa.

Catarina e Mauro se apresentaram em Belo Horizonte e região desde 2011 e já tocaram

em locais como o Atlântico, melhor restaurante de frutos do mar da cidade, Café 104,

Mercado Mundo Mico (em Macacos), Palácio das Artes (CEFAR Concerto), Status Livraria & Café, Balaio de Gato, Cinepizza Bar (em Nova Lima), e em diversos eventos particulares. Entre março e junho de 2013, foi a vez da charmosa cidade de Ouro Preto.

Passaram por bares e restaurantes como o Barroco & Barraco Brechó e Arte, Bené da

Flauta, Café Geraes, O Passo Pizzajazz e Café Cultural da FIEMG. Em julho o som rolou

em BH no clássico Café com Letras, na Savassi e no projeto “Ah!Bon Jazz Session” numa

temporada de três meses, no restaurante da rua Fernandes Tourinho.

A dupla passa a residir em Bichinho, próximo a Tiradentes – MG, desde agosto de 2013.

Lá, já se apresentaram no Petruccio Boteco & Arte, no Pátio Libertas e no Teatro do

Centro Cultural Yves Alves com o show “TENDERLY”. Participam em novembro do “Duo

Jazz Festival Tiradentes” fazendo o show de abertura no Largo das Forras. Em fevereiro

de 2014 estão pela segunda vez no Teatro do Centro Cultural Yves Alves com o show

“ALONE TOGETHER”.

De outubro de 2013 a julho de 2014 (nove meses), o Pianissimo Jazz se apresentou

durante todos os fins de semana e em temporadas especiais no ponto mais tradicional de

Tiradentes, o Theatro da Villa, com o projeto “Jantar Musical Pianissimo Jazz”.

Dia 31 de maio participaram do “Tiradentes Vinho & Jazz Festival” no Largo das Forras.

De maio a julho aconteceu, simultaneamente, a temporada no restaurante Tempero da

Ângela no Bichinho: “Pianissimo Jazz Bem Temperado”. Nos almoços de sextas, sábados

e domingos o restaurante da Ângela entrava no clima de um jazz suave e gastronômico.

Posteriormente a parceria foi com o Ora Pro Nobis, do Chef João Lombardi, que

participa do cenário gastronômico de Tiradentes há mais de dez anos. O som acontecia

nas noites de sextas e sábados em Tiradentes e nos almoços de sábados e domingos na

filial que fica no Bichinho. Esta temporada durou sete meses, de julho de 2014 a fevereiro

deste ano.

Em janeiro de 2015 receberam a visita, no Ora Pro Nobis de Tiradentes, do grande

cantor, parceiro e amigo Emmerson Nogueira, que possui um estúdio de gravação de alta

qualidade na cidade de São João Nepomuceno – MG, o Estúdio Versão Acústica. Após

ouvir por mais de duas horas o trabalho do duo, convidou o Pianissimo Jazz para gravar

todo o seu repertório. Durante a segunda feira, dia 23 de fevereiro e a terça seguinte,

foram gravadas 52 faixas com a perfeição técnica do experiente engenheiro de som Nando

Costa, mais um parceiro.

Mais recentemente, depois de concluir a produção de 05 CDs, destinados a divulgar esse

momento tão especial, realizaram uma temporada de sucesso de três meses em São João

Del Rei no restaurante Dedo de Moça, tendo feito sua apresentação de despedida no dia

04 de junho. Dia 05 de junho, durante o feriado de Corpus Christi nasceu uma parceria

com o Via Destra Ristorante em Tiradentes, do renomado Chef Rubens Beltrão, que

continua até hoje.

A dupla tem se dedicado à divulgação do CD e à ampliação de seu mercado de trabalho e

se apresentou no dia 13 de junho pela segunda vez consecutiva no “Tiradentes Vinho &

Jazz Festival”.

Nos fins de semana de 22 a 30 de agosto, durante o “Festival Cultura e Gastronomia”

2015 que acontece na cidade desde 1998, as apresentações do Pianissimo Jazz foram na

Pousada Pequena Tiradentes em dois eventos do FIAT Club, e no restaurante da

pousada, o Mandolim.

O som do Pianissimo está de volta após gerações, nos dedos da baixista Catarina Moura e na viagem do pianista Mauro Continentino.

Para seguir informações, basta adicionar o perfil “Pianissimo Jazz” como amigo no

Facebook ou curtir a fanpage. Lá eles atualizam sua agenda e mantém o público por

dentro das novidades. Se quiser acessar os vídeos e ouvir o som, procure o canal

“Pianissimo Jazz” no YouTube.

Parceiros

 
 

Newsletter

Cadastro para Newsletter

Fique por dentro das novidades, promoções do Sessions

CAPTCHA image

  • Todos os direitos reservados a Sessions.com.br
  • Site desenvolvido pela Agência Infinit0